SP-Arte OVR

SP-Arte OVR
23 de junho de 2021 zweiarts

BIANCA BOECKEL REABRE SEU ESPAÇO PARA O PÚBLICO COM DUAS MOSTRAS SOLO: XILO, DE DJ PAPAGAIO E DIA ÚTIL, DE MARCELO TOLENTINO

Data: 09 a 13 de junho de 2021

A Bianca Boeckel Galeria exibe a primeira mostra individual do artista plástico carioca DJ Papagaio: “Xilo”. Foram selecionados seis trabalhos que utilizam a tornearia e marcenaria tradicional, e que em comum possuem as formas arredondadas nas diversas madeiras brasileiras e exóticas utilizadas em sua confecção.

DJ Papagaio é um pesquisador compulsivo de Madeiras Brasileiras e ao longo dos anos tornou-se referência no assunto. Começou esse trabalho durante uma residência artística em Ibitipoca e atualmente viaja por todo o Brasil pesquisando hábitos relacionados ao uso da madeira. Um pedaço de lenha, um galho caído, uma árvore morta, uma sobra de demolição, um pedaço de móvel, tudo pode ser transformado em sofisticadas obras de arte.

Suas xilotecas, e daí o nome da exposição, são conjuntos de obras esculpidas em madeira e possuem diferentes formatos: garrafas grandes e pequenas, garrafas com temática vintage, lâmpadas, charutos e bancos. Todas as peças são artesanalmente confeccionadas na Lapa, Rio de Janeiro. Artesãos já idosos que estavam desempregados e fora do mercado foram contratados para dar vida às criações de DJ Papagaio. O resto da madeira que seria descartado também é re-aproveitado, transformando-se em utensílios de cozinha, canetas, capas de caderno e serragem para compostagem. Nada é desperdiçado.

A transição de DJ para artista plástico se dá de forma autêntica e natural, e sua primeira exposição vem registrar esse momento ímpar em sua carreira. Nas palavras de Luiza Mussnich:

“Essa exposição marca o percurso feito pelo DJ em direção ao artista, com todos os seus rastros: as referências à música, às cores e luzes da boate; os títulos de algumas obras e os pedaços de madeira em seu estado bruto. Porque como sintetizou o poeta Octavio Paz: ‘toda passagem implica dois lugares: o lugar que se deixa e aquele em que se penetra’ ”.

Exposição: Xilo
Artista: DJ Papagaio
Texto de apresentação: Luiza Mussnich
Abertura: 10 de junho de 2021, quinta, às 17h
Período: 11 de junho a 31 de julho de 2021
Local: Bianca Boeckel Galeria
Rua Domingos Leme, 73 – Vila Nova Conceição – São Paulo, SP
Tel.: (11) 2691-1190 Horários: Quinta-feira a sábado, das 12 às 19h | Segunda a quarta-feira, com agendamento:
contato@biancaboeckelgaleria.com
Número de obras: 6
Técnica: esculturas em madeira
Dimensões: Variadas
Valores: de R$ 8.000 a R$ 82.000,00

Na mesma data, a Galeria também inaugura a exposição solo do artista Marcelo Tolentino, “Dia Útil”, com suas pinturas a óleo e acrílica em diversos suportes, desenhos e esculturas de madeira.

Marcelo Tolentino, formado em Comunicação Social, é arte educador e trabalhou em agências de publicidade. Desde 2016, dedica-se exclusivamente à arte.

Em 2017, durante uma performance na Pinacoteca, o jovem artista chamou a atenção do diretor da instituição, Paulo Vicelli. Suas obras já foram expostas nas feiras Parte e SP-Arte, além do Espaço 258 e do SESC Belenzinho.

Nas temáticas atuais de Marcelo, destaca-se o interesse pelo desvelamento da intimidade e a exploração dos limites entre o espontâneo e o posado a partir de cenas do cotidiano, especialmente o doméstico. Utilizando-se de diferentes técnicas e explorando materiais diversos, seus trabalhos são marcados pela presença da artesania.

Como declara Vicelli, “pelas mãos de Tolentino, as cenas domésticas mais banais passaram a ser atividades de extraordinária beleza e significado. O uso inteligente das cores, seu traço rápido, mas delicado, trouxeram para essas crônicas da vida contemporânea uma leveza e uma beleza tão necessárias nesses duros tempos que vivemos.”

Exposição: Dia Útil
Artista: Marcelo Tolentino
Texto de apresentação: Paulo Vicelli
Abertura: 10 de junho de 2021, quinta, às 17h
Período: 11 de junho a 31 de julho de 2021
Local: Bianca Boeckel Galeria
Rua Domingos Leme, 73 – Vila Nova Conceição – São Paulo, SP
Tel.: (11) 2691-1190 Horários: Quinta-feira a sábado, das 12 às 19h | Segunda a quarta-feira, com agendamento: contato@biancaboeckelgaleria.com
Número de obras: 15
Técnica: tinta a óleo e acrílica sobre papel, cerâmica e tela, escultura em madeira
Dimensões: Variadas
Valores: de R$ 5.000 a R$ 12.000,00

BIANCA BOECKEL GALERIA

Localizada na Vila Nova Conceição, a Bianca Boeckel Galeria promove artistas consagrados e em ascensão no cenário nacional e internacional.

Desde a sua fundação, mais de 30 exposições foram realizadas, com destaque para as individuais de Camila Alvite, Allann Seabra, Ricardo Becker, Marcelo Greco, Nelson Porto, Jorge Feitosa e Lauren Shapiro.

A galeria atende a um público exigente em busca de novidades em fotografia, pintura, esculturas e diversas mídias. Intensa pesquisa e uma curadoria detalhista garantem mostras com uma grande variedade de arte conceitualmente significativa e visualmente estimulante. Além das exposições e cursos organizados pela galeria, um acervo eclético e em constante renovação permite que colecionadores apreciem trabalhos de qualidade e vivenciem as últimas tendências locais e internacionais.

Bianca Boeckel, proprietária e diretora, atua também como curadora e consultora de artistas e clientèle, lançando mão de sua experiência internacional.

LUIZA MUSSNICH

Luiza Mussnich nasceu no Rio de Janeiro em 1991. Publicou os livros de poesia “Microscópio”, “Lágrimas não caem no espaço” e “Para quando faltarem palavras” todos pela Editora 7Letras. Em 2018 participou com “Pêndulo” da coletânea de contos Identidade, da Amazon Brasil, ao lado de outros 29 autores nacionais contemporâneos. Colaborou com as revistas Piauí, 451 e Vogue Brasil e teve poemas publicados em veículos como Revista Época, Jornal Rascunho, Cândido, Ruído Manifesto e Deriva.

PAULO VICELLI

Bacharel em Relações Internacionais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo PUC/SP, pósgraduado em Hsitória de Arte pela Fundação Armando Álvares Penteado FAAP/SP e MBA em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing ESPM, estagiou na Secretaria de Bens Culturais do Estado de São Paulo, prestou serviços para o canal de Televisão BBC/Brasil e para o British Council SP, foi Coordenador do Núcleo de Comunicação e Relacionamento no Instituto Itaú Cultural e atualmente é Diretor de Relações Institucionais da Pinacoteca de São Paulo.

DJ PAPAGAIO | LUIZ FERNANDO LEITE

Nascido em 17 de novembro de 1973 no estado do Rio de Janeiro, filho de migrantes pernambucanos.

Desde os 15 anos de idade trabalha como DJ, com uma pausa aos 18 para o serviço militar obrigatório e aos 21 quando cursa Escola Técnica de Publicidade e abre uma pequena agência, ativa por 3 anos.

Como DJ, teve e tem um papel relevante na noite do Rio de Janeiro, passando pelas principais festas e casas noturnas da cidade – dentre elas a X-Demente na Fundição Progresso (2000/2003), People Club no Leblon (1998/1999), Baronneti em Ipanema (2000/2005), Fasano e Copacabana Palace (2008/2020).

Em 2018, durante uma residência artística em Ibitipoca-MG, decide dedicar-se ao trabalho com madeiras brasileiras, e a partir daí passa a expor suas peças em espaços concorridos e incorporá-las a coleções particulares importantes.

MARCELO TOLENTINO

Nascido em Fortaleza-CE, em 1986, e criado em São Paulo-SP, onde vive e trabalha, Marcelo Tolentino é artista visual e arte educador. Formou-se em Comunicação Social e cursou o programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da FAAP, dedicando-se exclusivamente ao desenho, pintura, gravura e escultura desde 2016.

Participou das exposições coletivas Transurbância, no Espaço 258, e Potlatch, no Sesc Belenzinho, e das feiras PARTE e SP-Arte.